Após assessora branca tentar boicotar, Halle Barry atende jornalistas negros no tapete vermelho

A mídia negra ainda é muito preterida até por celebridades negras. Todo mundo valoriza os veículos famosos, mas ignoram os veículos feitos especialmente para comunidade negra, como se fosse uma imprensa de segunda linha.

A jornalista  afro-americana Emerald Marie relatou uma experiência emocionante ao tentar entrevistar a atriz Halle Berry durante a lançamento do filme John Wick 3, em Los Angeles, longa que Berry atua ao lado do protagonista Keanu Reeves.

SAIBA MAIS.:  “O Rei Leão”: Beyoncé lança clipe de “Spirit”

Junto com um colega, Lamar, que também negro, Emerald ficou vendo vários jornalista brancos conseguirem falar com Berry. Ela ficou pacientemente segurando o microfone e esperando a sua vez, e viu o momento da imprensa acabar sem que ele pudesse ter sua chance. “Desculpa, mas o tempo acabou o filme já vai começar”, disse a Relações Públicas da atriz.

A assessora de Hally Berry fez jornalistas negros desistirem da entrevista (Foto: Reprodução Instagram)

Emerald e seu colega então começaram a sair, quando Halle Berry notou o que aconteceu e foi em direção a eles . “Ela olhou para mim e para o Lamar e disse ‘eu vou ter tempo para vocês, eu não vou fugir da minha irmã e do meu irmão’, e ela veio em nossa direção e concedeu a entrevista. Eu fiquei emocionada e com muito orgulho de ser negra”. Emerald e Lamar eram os únicos jornalista negros no tapete vermelho.

SAIBA MAIS.:  África libera fronteiras entre países para ampliar negócios

“Eu quero encorajar homens e mulheres negras a quebrarem barreiras dentro da indústria por que nossos rostos precisam ser vistos e nossas vozes escutadas”, finaliza Emerald.

 

 

 

 

 

O post Após assessora branca tentar boicotar, Halle Barry atende jornalistas negros no tapete vermelho apareceu primeiro em Mundo Negro.

Deixe uma resposta