ARTE gera OPORTUNIDADE para o JOVEM NEGRO

https://www.youtube.com/watch?v=82ri8-bicqM

A arte é ferramenta de transformação social essencial na vida de jovens negros. O Projeto Solano Trindade, uma iniciativa do Ministério Público do Trabalho e Organização Internacional do Trabalho, em parceria com a Casa Poema, chegou a Embu das Artes e apresentou a obra e do poeta Francisco Solano Trindade aos jovens da Escola Municipal Márcia Reis. Através da oficina de poesia falada Amanhã Será Melhor, um dos braços do projeto, os adolescentes participaram de aulas e dinâmicas que estimulam o uso da palavra – seja escrita ou falada. E também tiveram oportunidade de escrever seus próprios textos, que serão publicados posteriormente. A oficina foi pensada como uma forma de suprir a demanda dos jovens negros em relação ao domínio da língua – para saber expressar sentimentos, emoções, mediar conflitos, se fazer entender e até mesmo conseguir se sair bem durante uma entrevista de emprego ou seleção de bolsas estudantis. Os jovens contam da experiência de participar de um projeto que auxilia em diversos aspectos pessoais e sociais. E explicam como a obra de Solano se mostrou tão viva e atual. O projeto contou ainda com a exibição da peça de teatro Solano, Vento Forte Africano, que remonta a vida e obra do artista que lutou incansavelmente pelo direito dos negros no Brasil. Participantes: DAMIANA INÊS, atriz e musicista. ELISA LUCINDA, atriz, poeta e jornalista; ANTÔNIO DE JESUS, diretor e professor da rede municipal de ensino; JORGE DOS SANTOS, aluno da oficina Amanhã Será Melhor; VANESSA CAVALCANTE, aluna da oficina Amanhã Será Melhor; LUIS FELIPE DOS SANTOS, aluno da oficina Amanhã Será Melhor. #CanalPreto #JovemNegro #Arte Canal Preto

SAIBA MAIS.:  Tatiane Santos cria e-book que ensina como trabalhar histórias com personagens negros na Educação Infantil

Deixe uma resposta