Sul-africana é eleita Miss Universo e torna-se a quinta mulher negra a vencer o concurso

Zozibini Tunzi é coroada Miss Universo 2020 (Foto: Elijah Nouvelage / Reuters)

No último domingo (08), a modelo sul-africana Zozibini Tunzi, 26, foi coroada Miss Universo 2019. Natural de Tsolo, África do Sul, ela tornou-se a quinta mulher negra, em 68 edições, a vencer a competição internacional.

“Eu cresci em um mundo onde uma mulher que se parece comigo, com meu tipo de pele e cabelo, nunca foi considerada bonita. Isso acaba hoje. Quero que as crianças vejam seus rostos refletidos no meu”, declarou Tunzi após receber o título. “Finalmente mulheres como eu podem saber que somos bonitas”, disse a miss em outro momento de seu discurso.

Zozibini Tunzi recebendo a coroa de Miss Universo 2019

Para levar o título, Tunzi teve que superar concorrentes de 88 países. Com a vitória, ela ganhou também um carro novo e um apartamento mobiliado em Sandton, Joanesburgo. O imóvel é avaliado em aproximadamente R$ 5 milhões e Tunzi poderá morar nele durante seu reinado.

SAIBA MAIS.:  Galo da Madrugada em SP: o maior bloco do mundo participa do Carnaval em 2020 Notícias

Com a vitória de Tunzi, a África do Sul venceu pela terceira vez o maior concurso de beleza do mundo. O país já havia conquistado o título em 1978, com Margaret Gardiner e em 2017, com Demi-Leigh Nel-Peters. 

O post Sul-africana é eleita Miss Universo e torna-se a quinta mulher negra a vencer o concurso apareceu primeiro em Todos Negros do Mundo.

Todos Negros do Mundo

Deixe uma resposta